quarta-feira, 24 de outubro de 2012

POSIÇÕES DE DORMIR E SEUS SIGNIFICADOS

     Oi, genteeee! Tudo bem????

     Primeiramente, gostaríamos de agradecer a todos por visitarem o nosso blog! Estamos muito felizes por todas as visitas recebidas diariamente!!! Obrigada, mesmo! Espero que estejam gostando!


     Que tal hoje fazer um teste e ver como vai seu relacionamento? rsrs.


     Estudiosos dizem que o corpo fala e que o jeito (posição) que o casal dorme diz muito sobre a relação. "A leitura corporal não é fechada e não tem significado universal", diz o historiador Marcos Tadeu Cardoso em entrevista ao Folha de São Paulo - que mesmo assim topou a brincadeira de analisar as posições abaixo, ao lado da psicóloga Marina Vasconcellos. 


     Será que dá certo mesmo, pessoal? Vamos fazer o teste???? Depois me falem se acham que é verdade ou não. rsrs


  


Letícia Moreira/Folhapress
À esquerda, a posição "abraço de lua de mel" e à direita, "caranguejo"


Abraço de lua de mel - (à esquerda):
Posição típica dos primeiros meses de relacionamento, é bem plástica, mas não exatamente confortável e quase impossível de ser mantida durante toda a noite. Coisa de quem acabou de fazer amor. Segundo Cardoso, significa "quero ficar enroscadinho em você", "quero você".


Caranguejo -(à direita):
Se os dois passam a noite como se estivessem fugindo um do outro (há quem durma com os pés na cabeça do parceiro) vale prestar atenção: a relação pode estar desgastada. Mas, claro, o alerta deve levar em conta não só a relação entre os lençóis, mas durante o dia todo. Às vezes pode significar apenas criatividade. 


__________________________________________________________________________________

Letícia Moreira/Folhapress
À esquerda a posição "Chanel" e à direita, a posição "colherzinha"

Chanel - (à esquerda):
Os quadris se tocam, mas cada um vai para um lado, lembrando os dois "C" do logotipo da Chanel. É um estilo meio zen, que predomina depois de certo tempo de relação, quando o casal tende a resgatar alguma privacidade no sono. Os bumbuns ligados dizem "estamos próximos, mas cada um em seu espaço".


Colherzinha - (à direita):
Também chamada de "conchinha" e "feijãozinho", é a expressão óbvia de que os dois se encaixam. É o mesmo que dizer "completamos um ao outro", interpreta Marcos Tadeu Cardoso. "Gostar de dormir assim, mesmo que só no início da noite, significa aconchego", lembra a psicóloga Marina Vasconcellos.


__________________________________________________________________________________

Letícia Moreira/Folhapress
À esquerda a posição "abismo" e à direita a posição "telhadinho"

Abismo - (à esquerda):
Embora essa posição, por si só, não seja sinônimo de crise conjugal, se o casal dorme todas as noites de costas um para o outro, pode ser um sinal de distanciamento entre os dois, de falta de vontade de estar junto, analisa a psicóloga Marina Vasconcellos, especialista em psicodrama e terapeuta familiar.


Telhadinho - (à direita):
Essa posição demonstra união, mas o distanciamento na região abdominal é um sinal inconsciente de falta de interesse sexual naquele momento. Outra "bandeira" é que cada um toca a ponta do lençol, como se quisessem cobrir as partes íntimas. 

 ________________________________________________________________________________


Letícia Moreira/Folhapress
A posição "berço" à esquerda e a posição "a perseguição" à direita

Berço - (à esquerda):
Típico comportamento de união estável. A mão da mulher sobre o peito do homem, ele abraça ela, as cabeças ficam juntinhas. Isso demonstra aproximação e união, e ela se sente protegida literalmente debaixo da asa dele.


A perseguição - (à direita):
Nessa posição, a mulher demonstra que tem ou busca ter a posse do homem. Como o corpo do homem está em direção oposta, com uma leve inclinação que acentua um afastamento da mulher, reforça a ideia de que ele está buscando seu território pessoal.

 _________________________________________________________________________________


Letícia Moreira/Folhapress
À esquerda a posição "ligados e livres" e à direita, a posição "abraço de perna"

Ligados e livres - (à esquerda):
O corpo da mulher inclinado para o lado oposto do homem, acompanhado de uma leve inclinação da cabeça, parece demonstrar que a mulher deseja ficar em seu canto, pelo menos naquele momento. A inclinação do homem demonstra atenção, mas como ele mantém certa distância, pode significar que deseja liberdade.


Abraço de perna - (à direita):
A mão da mulher, por baixo do homem, sinaliza que ela quer conquistar mais espaço. As pernas abertas também são sinal disso. Já a posição dele demonstra que está no seu espaço e não abre mão dele. A posição mostra certa ambivalência, como se os dois se tocassem por "acidente" (sem querer evidenciar o carinho). 




Fonte: http://www1.folha.uol.com.br 
Imagens: Letícia Moreira/Folhapress





        









9 comentários:

  1. kkk, amor! Esse post foi o que eu mais ri até agora. As poses do pessoal dormindo tão muito engraçadas (a primeira então...)

    Será que estamos em crise, ou é o colchão mesmo! (rs)

    Além disso, será que podem querer censurar as fotos por conteúdo impróprio (!?), rs

    Bjs

    ResponderExcluir
  2. rsrs. Prefiro acreditar que o problema está no colchão, amor!!!!rsrs

    ResponderExcluir
  3. muito legal!!!!já estou me avaliando...kkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Cris! Obrigada por visitar o blog! Volte sempre!

      Excluir
  4. nossa, estou me avaliando, ainda estou na posição de lua de mel,passo pelo chanel, colherzinha, perseguição e por fim quando temos algum desentendimento o abraço de perna...kkkkk muito interessante... adorei isso!! bju Vanessa... Geiselly

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Gê! Que bom vc por aqui!!!!
      Então vcs estão só love, hein amiga!?!
      Eu e o Anderson estamos no caranguejo, mas ele diz que a culpa é do colchão!rsrs

      Excluir
  5. Meu Deus preciso rever meu relacionamento.... e minhas atitudes. Obrigada

    ResponderExcluir
  6. Oi, Silvia! É sempre bom revermos nossas atitudes, pois sempre podemos melhorar o que já está bom. Mas não leve tão a sério este post, afinal cada um tem seu jeito preferido de dormir, eu, por exemplo, só consigo dormir de conchinha no começo e depois já estou espalhadona pela cama (rs)... O que importa mesmo são as demonstrações de carinho do parceiro no dia a dia. Bjinhos!

    ResponderExcluir